PEDAGOGIA DO AMOR

Uma das percepções do Colégio Objetivo é que os estudantes não podem ser tratados como máquinas. Dentro dessa visão de respeito aos indivíduos, a Pedagogia do Amor faz toda a diferença. O intuito é promover a afetividade, demonstrando a importância de cada criança e adolescente.

Essa vertente é explorada desde o momento em que o aluno entra na escola, e pode ser constatada pelo abraço da coordenação, pelo reconhecimento ou pela tradicional pergunta: “como foi o seu fim de semana?”. Cada um é conhecido pelo próprio nome e tem a sua individualidade respeitada.

A Pedagogia do Amor também promove o acolhimento. Todos têm direito a uma segunda chance e são estimulados a multiplicar esse sentimento, trabalhando em prol da união, amor e bem ao próximo. Ninguém deve ser julgado por rótulos e a escola passa a ser vista como um local de carinho e respeito. Tudo, é claro, sem abrir mão da disciplina e das responsabilidades.

Desse modo, o Objetivo cria verdadeiros apaixonados pela educação. Os professores devem ser apaixonantes e criar aulas com essas características. Consequentemente, os alunos adquirem paixão pelo pensar, pelo aprender, sempre com a convicção de que ninguém é uma máquina, todos são coração.